Paraná

PF faz operação contra grupo criminoso na região de Londrina

Um grupo criminoso que atua no contrabando de cigarros e lavagem de dinheiro é alvo da PF nesta terça-feira

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
A PF esteve no início desta terça-feira nas ruas de Londrina e região
fonte: Alceu Nascimento/RPC Londrina
A PF esteve no início desta terça-feira nas ruas de Londrina e região

Um grupo criminoso que atua no contrabando de cigarros e lavagem de dinheiro na região de Londrina, norte do Paraná, é alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) na manhã desta terça-feira (5). De acordo com a corporação, foram cumpridas 23 ordens judiciais.

continua após publicidade

A operação "Parasitas" cumpriu 20 mandados de busca e apreensão e três de prisão nas cidades de Londrina, Maringá, Guaíra e Agudos (SP). A PF informou que os alvos de prisão são chefes do grupo. 

As autoridades investigaram o caso e, conforme levantado, foi descoberto que os criminosos utilizavam laranjas e empresas de fachada para lavar o dinheiro oriundo de contrabando de cigarros paraguaios. 

continua após publicidade

Ainda segundo a PF, os participantes do grupo já foram presos várias vezes transportando a mercadoria de forma ilegal. 

Durante a operação, os policiais apreenderam documentos e veículos que podem ter sido comprados com o dinheiro do contrabando.

A Justiça também autorizou o bloqueio de bens móveis e imóveis, além de recursos financeiros mantidos nas contas bancárias de investigados de até R$ 15 milhões.

continua após publicidade

Os investigados devem responder por contrabando, associação criminosa e lavagem de dinheiro. Se condenados, as penas podem somar 18 anos de reclusão.

Na segunda-feira da semana passada, dia 27 de junho, a Polícia Federal realizou uma operação em Londrina contra o crime de pornografia infantil.

Com informações do g1.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News