Revista UAU!

Juliette é acusada pelo MBL de fazer campanha para Lula em show

O vereador Rubinho Nunes acusa a ex-bbb de fazer campanha para Lula durante um show em Caruaru, Pernambuco

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Se Juliette perder a causa, pode pagar uma multa que varia entre R$ 5 mil e R$ 25 mil
fonte: Reprodução/Instagram
Se Juliette perder a causa, pode pagar uma multa que varia entre R$ 5 mil e R$ 25 mil

Juliette Freire, que é cantora e campeã do Big Brother Brasil 21, está sendo acusada pelo partido Movimento Brasil Livre (MBL) de fazer campanha para o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) durante um show em Caruaru, no Pernambuco. 

continua após publicidade

O vereador e pré-candidato a deputado federal por São Paulo Rubinho Nunes protocolou uma representação contra Juliette no Ministério Público Eleitoral. O político pede para que a artista e Lula paguem uma multa, já que a cantora teria transformado sua apresentação em um showmício. 

Na festa de São João, enquanto o público entoava "Olê, olê, olá, Lula" em coro, a cantora tirou o retorno para ouvir melhor a manifestação, riu e disse: "ê, Pernambuco, respeita!".

continua após publicidade

Veja:

Caso a cantora perca a causa, ela pode receber uma multa que varia entre R$ 5 mil e R$ 25 mil. 

continua após publicidade

Nas redes sociais, a representação dos membros do MBL já virou motivo de piada entre os fãs da cantora, que também foi defendido pelo influencer Felipe Neto. "Quando você perder, avisa a gente?", provocou o rapaz.

"Opa, Felipe! Ficou tristinho que seus amigos não vão mais poder usar dinheiro público para sinalizar apoio ao cachaceiro? E fica tranquilo! Para o Brasil rir, basta você sair da banheira de Nutella e fingir que é inteligente, ou armar entrevista falando que está solteiro", respondeu o vereador Rubinho.

Com informações do UOL.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News